Marcelo Freixo pede à Procuradoria investigação de troca no comando da PF no DF


(Imagem: Site PSB Nacional)

O líder da Minoria, deputado federal Marcelo Freixo (PSB-RJ), ingressou com uma representação pedindo que a Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão investigue a troca no comando da Polícia Federal no Distrito Federal.

Na última sexta-feira (8), o diretor-geral da PF, Paulo Maiurino, decidiu trocar o delegado Hugo de Barros Correia e colocar em seu lugar, vindo do reduto da família Bolsonaro no Rio de Janeiro, o delegado Victor Cesar Carvalho dos Santos.

A superintendência regional do DF é a responsável pelas investigações do inquérito das fake news, que mira apoiadores e aliados do presidente Jair Bolsonaro sem prerrogativa de foro, e da que apura se Jair Renan, filho do chefe do Executivo federal, cometeu tráfico de influência. A unidade também investiga o inquérito administrativo sobre os ataques de Bolsonaro ao sistema eleitoral.

O socialista pede que Procuradoria do DF “intervenha no caso concreto, investigando ou recomendando uma postura nos termos constitucionais”.

Para Freixo, é “inaceitável numa democracia” que a Polícia Federal seja “instrumento quase que particular da família Bolsonaro e dos seus aliados”.

“Requer-se, portanto, que medidas urgentes sejam tomadas para coibir que a Polícia Federal venha a se tornar um órgão apenas a serviço das vontades pessoais dos membros do governo federal e da família do presidente da República”, diz.

Assessoria de Comunicação/PSB Nacional

1 visualização0 comentário