Freixo sai do Psol e ingressa no PSB até o fim deste mês


Por Mariane Del Rei, Socialismo Criativo


O deputado federal Marcelo Freixo contou à Veja que vai se filiar ao Partido Socialista Brasileiro (PSB). E mais: é pelo PSB que Freixo se declarou pré-candidato ao governo fluminense nas Eleições de 2022. Freixo oficializou nesta sexta-feira (11) sua saída do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), partido pelo qual foi filiado por 16 anos.

“No PSB terei a chance de fazer uma aliança mais ampla, com partidos progressistas e de centro, para enfrentar o grupo político que faliu o Rio e entranhou a corrupção no estado”. Marcelo Freixo

Na tentativa de se descolar da imagem de radical que acompanha o PSOL, Freixo não descarta ter até o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, do PSDB, a seu lado no palanque. Segundo ele, a esquerda não pode repetir os erros da eleição passada. “Não é mais uma questão de direita versus esquerda, mas de proteger a democracia”, diz.

Leia também: Eleições 2022: Marcelo Freixo pode se filiar ao PSB

Socialistas comemoram vinda de Freixo para o PSB

O presidente do PSB, Carlos Siqueira, comemorou no Twitter a filiação de Freixo ao PSB. O socialista deu boas-vindas ao parlamentar e ressaltou que Freixo “representa uma grande contribuição para construirmos um novo Rio de Janeiro e um novo Brasil”.




O presidente do PSB-DF, Rodrigo Dias, também cumprimentou Freixo pela filiação ao PSB nas redes sociais



Desligamento do PSOL


A trajetória política de Freixo, 54 anos, se funde com a do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), no qual ingressou, vindo do PT, um ano após sua criação, em 2005. Em texto de despedida compartilhado nas redes sociais, o parlamentar diz que, apesar do fim de um ciclo, tem a certeza que seguirá com o partido “na mesma trincheira de defesa da vida”.

“Hoje, encerro esse ciclo com a certeza de que apesar de não estarmos juntos daqui para a frente no mesmo partido seguiremos na mesma trincheira de defesa da vida, da democracia e dos direitos do povo brasileiro”, escreveu Freixo nas redes sociais. O deputado contou que a decisão de deixar o PSOL “foi longamente amadurecida e tomada após muito diálogo com dirigentes nacionais e estaduais do partido”.


Na mensagem, o deputado diz ainda que “é urgente a ampliação do diálogo e a construção de uma aliança com todas as forças políticas dispostas a somar esforços na luta contra o bolsonarismo”.

2 visualizações0 comentário