DF registra 306 pessoas na fila de UTI's


A informação, atualizada às 10h50 desta quarta-feira (14), foi divulgada pelo governo por meio do site da Secretaria de Saúde - (Imagem: Reprodução)

O Distrito Federal registrou a preocupante marca de 98,42% de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nos hospitais da rede pública de Saúde e conveniados.


Leia também: DF registra 306 pessoas na fila de UTI's


A informação foi divulgada no site InfoSaúde que leva em consideração três hospitais de campanha, da Polícia Militar (100%), de Santa Maria (100%) e de Ceilândia (100%). Nas regiões, dos outros oito hospitais públicos que possuem UTI, seis estão com a capacidade extrapolada e 100% dos leitos ocupados. No Instituto Hospital de Base e no Hospital Regional da Asa Norte (HRAN), as taxas de ocupação chegaram a 94,87% e 82,14%, respectivamente.


As unidades de saúde contratadas, São Matheus, Daher, São Francisco, Home e HUB, também contabilizam 100% de ocupação de leitos de terapia intensiva e, também, de cuidados intermediários.


Pacientes da Covid-19


Entre os pacientes que aguardam para serem internados na rede pública, 218 possuem diagnóstico confirmado ou suspeita de estarem infectados com o coronavírus. Ao todo, o governo contabiliza 444 leitos específicos para pacientes com a doença. Porém, apenas 10 destes se encontram disponíveis, sendo cinco deles de UTI Neonatal e cinco para adultos.


Na rede privada do DF a situação não se mostra mais confortável. Nesta quarta-feira (14), 99,7% dos leitos adultos estavam ocupados, assim como, 50% das Unidades de Terapia Intensiva de uso pediátrico.








4 visualizações0 comentário